top of page

Onda de calor quebra recordes de consumo de energia no país para o mês de setembro

Segundo Operador Nacional do Sistema Elétrico, setembro deve ter alta de 5,8% em relação à demanda do mês em 2022


A atual onda de calor no Brasil deve fazer com que o mês de setembro tenha um consumo de energia de 75,2 mil MW médios, o que representa uma alta de 5,8% em relação ao mesmo período de 2022, segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Caso confirmado, o valor será o maior já registrado no país, conforme dados históricos do operador, reporta a Folha de S. Paulo.


“A previsão de crescimento da carga para setembro é a maior dos últimos meses, reflexo do calor mais intenso e também de uma economia mais aquecida”, afirma Luiz Carlos Ciocchi, diretor-geral do ONS, em nota.

A aceleração mais significativa no consumo deve acontecer na região Norte (10,6%), seguida das regiões Sudeste (6,1%), Nordeste (4,2%) e Sul (3,8%).

Segundo Ciocchi, o sistema nacional de energia tem total capacidade para atender o aumento de consumo. "Em termos de operação e atendimento da demanda seguimos preparados para atender a sociedade brasileira. O sistema é robusto, seguro e o cenário é favorável", escreve na nota.


https://umsoplaneta.globo.com/

Commentaires


bottom of page