top of page

Com entrada da Suíça, Fundo Amazônia avança na captação de recursos

País prometeu a doação de cerca de R$ 30 milhões para o mecanismo, com liberação imediata. Esta é a sétima nação a participar, além da Comissão Europeia

Com a entrada da Suíça no Fundo Amazônia, anunciada na última sexta-feira (7), o mecanismo de captação de recursos para projetos ambientais na floresta tropical se fortalece como instrumento de diplomacia ambiental e amplia sua captação.


A Suíça é a sétima nação a mostrar interesse em participar do Fundo. Além dos doadores históricos – Noruega e Alemanha – com a chegada de Lula ao poder, Reino Unido, França, Espanha e Estados Unidos também já manifestaram sua disposição em doar.


A Comissão Europeia – instituição independente que representa o bloco de países da União Europeia – também já anunciou sua participação.


Suíça

O anúncio da entrada da Suíça no mecanismo foi feito pela Embaixada do país no Brasil. Na quinta-feira (6), o órgão já havia anunciado o interesse e, na sexta-feira (7), declarou que R$ 30 milhões serão disponibilizados para liberação imediata.

“Com essa contribuição imediata, a Suíça quer iniciar a cooperação com esse importante instrumento e mostrar seu suporte em favor do compromisso ambiental do Brasil”, diz o comunicado da embaixada, segundo o Jornal Nacional.

Comments


bottom of page