Apresentação

Por que criar um Observatório Parlamentar?

  • Para, de maneira consistente, acompanhar a tramitação das matérias importantes para o tema ambiental;
  • Para permitir que os eleitores saibam as posições assumidas pelos partidos e pelos parlamentares nas questões ambientais;
  • Para ajudar a criar uma cultura de responsabilidade dos parlamentares em relação aos seus representados;
  • Para ajudar a criar uma cultura de responsabilidade dos eleitores em relação aos parlamentares que ajudaram a eleger.

O tema é considerado como ambiental, mas poderíamos chamar de sobrevivência da raça humana. Na verdade, é por isso que lutamos tanto. E é por isso que, como uma estratégia a mais, resolvemos construir esse observatório. Diferentemente dos observatórios astronômicos, não serão necessários telescópios, mapas celestes e espectrofotômetros. Precisaremos de sensibilidade, conhecimento técnico e todos os olhos e ouvidos disponíveis. Não queremos um Observatório construído num monte isolado e sim, situado dentro de cada um de nós, para que possamos, de fato, ajudar a difundir a idéia da conservação da natureza pela preservação da raça humana.

“Concretamente, o Observatório Parlamentar surgiu para “monitorar” a tramitação das matérias importantes, beneficiando a sociedade com a transparência necessária para que ela possa promover um mapeamento das posições políticas dos atores relevantes no Parlamento, criando efetivamente um mecanismo de prestação de contas (accountability) indispensável às instituições democráticas.

Aumentando a transparência e criando um mecanismo sério de prestação de contas, de caráter plural, político e não partidário, a Observatório Parlamentar Socioambiental estará dando um passo importante para o avanço da democracia brasileira, e com isso auxiliando na aprovação de iniciativas para a defesa do Meio Ambiente Em outras palavras, construindo uma cidadania planetária através da qual o cidadão poderá exigir seus direitos e cumprir os seus deveres, entre os quais o de fiscalizar seus representantes e proceder a boas escolhas eleitorais.”

Contamos com o apoio de todos.